CATANDO PAPÉIS & CONTANDO HISTÓRIAS

28 de outubro de 2012

ARTHUR NETTO: HOMENAGEM

A eleição de hoje voltou a consagrar Arthur Virgílio Netto. Em Manaus, derrotando os caciques de tantas tribos do Pê. Pois é, o povo ao elegê-lo, despachou tantos partidos políticos coligados para o “balatal”. A vitória também foi nacional, pois ele alcançou o maior índice (65,95%) de votos entre os eleitos, neste 2º turno.

Para homenagear ao conterrâneo, vou reproduzir nota de jornal que informava a consagração do melhor aluno. Trata-se certamente de sua primeira conquista: o sucesso no exame de admissão. Aquele desaparecido vestibular que atormentava os concludentes da 5ª série primária, que buscavam alcançar o curso ginasial. Hoje, apenas os que desfrutam da “terceira idade” se lembram dessa barreira.
Jornal do Commercio, 23
dezembro 1956
Pois bem. Arthur Virgílio Neto, disputando vaga no Instituto de Educação do Amazonas (IEA), obteve o primeiro lugar, entre mais de 500 concorrentes. Aconteceu em dezembro de 1956 e o vitorioso possuía 11 anos. 

O jovem Arthur Virgílio Neto classificou-se, nos exames de admissão ao curso ginasial, realizado no IEA, em primeiro lugar. (...) durante o curso primário, no GE Princesa Isabel, ocupou as mais destacadas posições entre seus companheiros, dirigindo, inclusive, o jornal oficial do referido estabelecimento.

A vitória de Arthur Virgílio Neto, sem dúvida, merece registro especial, acentuando-se a nota geral do moço aprovado: 9,6.

Ainda sobre o sucesso de hoje, que lembra aquele de 24 anos passados, quando AN derrotou os grandes tuxauas locais: Gilberto Mestrinho e Amazonino Mendes. O sucesso deste domingo possui outra dimensão, porquanto, não foram apenas os “patrões” desta zona que tomaram o rumo do seringal; Arthur Netto “surrou” os morubixabas federais, o ex-presidente Lula e a presidente Dilma Rousseff.  

Parabéns, e sucesso para Manaus.