CATANDO PAPÉIS & CONTANDO HISTÓRIAS

14 de junho de 2011

Igarapé de Manaus: rua, avenida ou beco

Contei a bravata sobre os parques do Prosamim, para discutir a questão do nome da rua Igarapé de Manaus, pois, “é aki que nois mora”.

Quero mesmo é anunciar meu endereço correto, e não relembrar o debate sobre a forma de expressão popular. Afinal, foram páginas e páginas, e a gente ficou na mesma, o livro foi recolhido, segue valendo?
Placa indicativa residencial

Desde que me conheço por gente, a rua que começa na avenida Sete, junto à primeira ponte, e se estende pela margem do igarapé de Manaus, copiava o nome desse acidente geográfico.
Tudo ia muito bem, acredito até que o correio já havia iniciado a implantação do conhecido CEP, quando o nobre vereador Expedito Teodoro interferiu. Conheci sua iniciativa, mas não participei.

Ele apresentou projeto na Câmara Municipal de Manaus, para organizar o nome das ruas da cidade. Não que estivesse uma bagunça, não. Havia, como ainda há, nomes repetidos, artérias lembradas por letras ou números ou apelidos e por aí a fora. O vereador apresentou as modificações acertadas nas várias deliberações com a comunidade, que contribuiu muito pouco.

Em 1996, o projeto virou lei municipal, dando início a mudança da nomenclatura de ruas. Houve inclusive a publicação do texto legal, em um monstruoso volume. Só então a população se deu conta do negócio, e se rebelou.
Como ocorreu com os moradores da rua São Domingos, no Aleixo. Na manhã de um dia, as placas anunciavam o novo nome desta artéria: Constelação de Touros. Não deu outra. Os marmanjos não admitiram, temerosos de que a via se tornasse reconhecida pela alcunha de... e que fosse colocar os chifres noutro logradouro. Neste local, portanto, a lei não pegou; permanece protegido pelo santo.
Placa indicativa instalada pela prfeitura de Manaus
No igarapé de Manaus, porém, a lei pegou, a rua tomou a denominação de Walter Rayol. Ocorre que havia outra rua, até um mercado com o nome deste saudoso vereador. Então, temos duas ruas Walter Rayol, uma no centro 69020-020, onde moro, e outra na Matinha.
O problema começa ou se agrava quando se consulta o CEP e se oferecesse o código mencionado. Então, aparece a indicação de avenida Igarapé de Manaus. Portanto, o mesmo CEP tem dois nomes. Para complicar geral, veio a prefeitura e fincou um poste na entrada da rua Igarapé de Manaus, com mais um problema, o CEP.
Mais placa, mais confusão

É que o CEP indicado na placa (69020-250) diz respeito a um beco existente nas proximidades. Diante dessa barafunda, fico sem saber meu endereço; e, por isso, como convidá-lo para o meu aniversário. Consulto a quem?