CATANDO PAPÉIS & CONTANDO HISTÓRIAS

22 de junho de 2011

Exposição: Legado de Anísio Mello (II)

Como venho realizando, aproveito o espaço para postar algumas das obras que estariam na exposição mencionada.

Jornal Em Tempo,
Manaus, 29 set. 1990

Hoje vou relembrar um trabalho de Anísio Mello (AM) que, em conjunto com o artista Edgard Alecrim, efetuou no Fecani de Itacoatiara, Amazonas. A obra destes artistas constituiu de enorme tela, que destacava o palco daquele festival, no ano de 1990.
O jornal Amazonas em Tempo, que reproduzo, descreveu o empenho de Anísio e Edgard. A cópia existente é quase uma relíquia, pois o próprio Edgard se surpreendeu com o arquivo.

Edgard lembrou-se de que estava acompanhado de seu filho, que aparece na foto. Lembrou-se ainda de que passou bons momentos ao lado de Anísio, ensinando aos jovens nos diversas oficinas que ministraram na praça da igreja local.
Na época, o festival da canção de Itacoatiara ocorria no centro da cidade, hoje há um local apropriado.

Quero assinalar que o Edgard Alecrim empenhou-se na produção de material gráfico para a exposição que recordava seu amigo AM. Por isso, muito se entristeceu pela desistência do organizador da expo, ou seja, ele gostaria que eu tivesse mantido a palavra.
Edgard Alecrim apresenta o estandarte do Chá das sextas (acima),
descreve o simbolismo das cores na camisa do poeta
Zemaria Pinto (abaixo)
 
Há duas semanas pensou e executou um símbolo para o Chá do Armando, na foto que também ilustra a postagem. E, na última sexta-feira, fez a apresentação oficial do trabalho, utilizando o jovem poeta Zemaria Pinto como manequim. Valeu.