CATANDO PAPÉIS & CONTANDO HISTÓRIAS

30 de setembro de 2011

Almoço dos coronéis PM

Oficiais da Polícia Militar do último posto reuniram-se hoje, como de tradição na última sexta-feira do mês, no restaurante do Emporium Roma. O encontro teve a destinação precípua de almoçar e atualizar o papo. Assuntos não faltam: os ganhos, as enfermidades, e a renovação dos envelhecidos causos.


Convidado para escrever uma página para a revista da PMAM, descolei antigas fotos de integrantes desta corporação nos “arquivos mortos” (desculpem-me os bibliotecários pela agressão).
Para estimular a conversa no almoço, tomei uma iniciativa. Providenciei a reprodução de boa quantidade destas fotos, fotografias de colegas realizadas quando a turma havia concluído o serviço militar ou ingressado na PM. Ou seja, aos 19 ou 20 anos. Faz algum tempo, não?

De cima, a partir da esq. Mael Sá, Encarnação, Romeu Medeiros,
Ruy Freire, Célio Silva, Humberto, José Cavalcanti,
dr. Abelardo Pampolha, Amilcar Ferreira e
prof. dr. Mauro Teixeira (ex-vice-reitor da Ufam)
Serviu para descontrair. Um ou outro não se reconheceu, outros duvidaram, e houve quem não fosse reconhecido. Parte deste material ilustra a postagem.
Estiveram presentes 25 coronéis: José Cavalcanti; Pedro Câmara; Osório Fonseca; Helcio Motta; Célio Silva; Paulo Vital; Ari Renato; Claumendes Cardoso; Raimundo Encarnação; Romeu Medeiros; Odorico Alfaia; Ruy Freire; Abelardo Pampolha; Amilcar Ferreira; Deusamar Nogueira; Humberto Crispim; Franz Alcantara; Mael Sá; Silvestre Torres; Homero Leite; Edmilson Nascimento; Ewerton Amaral; Eber Bessa; Edson Matias; Roberto Mendonça.
Até o próximo