CATANDO PAPÉIS & CONTANDO HISTÓRIAS

19 de julho de 2011

Memórias Amazonenses (LIV)

Julho, 19


1975 – Morreu no Rio de Janeiro, o professor Agnello Bittencourt, consagrado pelo estudo da história e geografia do Amazonas. Foi autor de vários trabalhos literários, com destaque para a Corografia do Amazonas (1925) e Dicionário Amazonense de Biografias: vultos do passado (1973). Pertenceu ao Instituto Geográfico e Histórico do Amazonas e a Academia Amazonense de Letras, apenas para citar as entidades locais.
Lembrança da missa de
30.º dia


2009 – Morreu em Manaus, Gilberto Mestrinho de Medeiros Raposo, ex-governador do Estado. Exerceu longa trajetória política (três vezes governador do Amazonas), apesar de impedido temporariamente pelo Regime Militar. Também foi prefeito de Manaus (1955), deputado federal pelo então Território Federal de Roraima (1963), e senador pelo Amazonas (1999-2006). Para melhor conhecê-lo, veja o trabalho da professora Iraildes Caldas Torres, Arquitetura do poder: memória de Gilberto Mestrinho (Manaus: Edua, 2010).