CATANDO PAPÉIS & CONTANDO HISTÓRIAS

15 de março de 2011

Memorial Amazonense (XLIX)

Março, 15


1910 – Ocorreu a aula inaugural da Faculdade de Ciências Jurídicas e Sociais da então Universidade Livre de Manáos. Trata-se, em nossos dias, da Faculdade de Direito da Universidade Federal do Amazonas. A aula foi ministrada no prédio do Grupo Escolar Saldanha Marinho, ainda hoje localizado na rua de mesmo nome, esquina da rua Costa Azevedo.

1951 – Lançamento da revista Manaus Magazine, que esteve durante sua existência sob a direção de sua proprietária, a saudosa jornalista Denise Cabral dos Anjos.

Governadores Danilo Areosa e João
Walter (à dir.). Jornal do Commercio,
23 ago. 1970
1971 – João Walter de Andrade, oficial da reserva do Exército, tomou posse no Poder Executivo do Estado. O vice-governador era Deoclides de Carvalho Leal. Nomeado para a Casa Militar o coronel Pedro Rodrigues Lustosa.

1975 – Assumiu a chefia do Executivo Henoch da Silva Reis, doutor pela Faculdade de Direito do Amazonas e, na ocasião, integrava a corte do Tribunal Superior do Trabalho (TST). Na vice, assumiu João Bosco Ramos de Lima. Na Casa Militar, o tenente-coronel José Cavalcanti Campos.
1979 – Assumiu o governo do Estado José Bernardino Lindoso, também bacharel pela Faculdade de Direito do Amazonas. Foi o 5º mandantário no Governo Militar. O vice-governador foi Paulo Pinto Nery. O coronel Osorio Fonseca Neto assumiu a Casa Militar.

1982 – Assumiu a Prefeitura de Manaus, o industrial João de Mendonça Furtado, nomeado pelo governador José Lindoso. Furtado permaneceu na administração da Capital até 17 de março de 1983.
Gilberto Mestrinho, no lápis do
caricaturista Palheta

1983 – Gilberto Mestrinho de Medeiros Raposo retornou a chefia do Executivo amazonense. Duas décadas depois, tornou-se o primeiro governador da “redemocratização” do País. O vice-governador foi Manoel Henriques Ribeiro. E o coronel José Cavalcanti Campos chefe da Casa Militar, substituido pelo coronel Odaci de Lima Okada.

1987 – Amazonino Armando Mendes tomou posse no governo do Estado. Assumiu como vice, Vivaldo de Barros Frota.  

Amazonino Mendes, na lente
de Carlos Navarro
1991 – Toma posse no governo do Estado, Gilberto Mestrinho de Medeiros Raposo, sendo vice-governador, Francisco Rodrigues Garcia.

2010 – Morreu em Manaus, Euripedes Ferreira Lins, aos 84 anos. Lins foi por décadas dirigente e incentivador da agricultura no Amazonas.