CATANDO PAPÉIS & CONTANDO HISTÓRIAS

2 de março de 2013

ARTUR NETO: 60 DIAS



Tapume no ex-Museu e Quartel dos Bombeiros, na av. Sete
Ontem, primeiro de março, o prefeito Artur Neto completou dois meses de gestão. Asseguram os munícipes que até o centésimo dia tudo lhe é perdoado, ou seja, o prefeito possui da população o direito não ter cobrança.
Tenho acompanhado pela mídia em geral sua atuação. Morador do centro, eu acompanho diariamente as mazelas expostas de nossa cidade, sem que o novo prefeito tenha realizado qualquer ação mais contundente para sanear a região.
Por isso, estou certo de que sua melhor iniciativa nesse  período foi o tapume colocado no prédio abandonado pelo Museu do Homem do Norte, na avenida Sete de Setembro, que por sinal pertence a Prefeitura de Manaus. Aliás, foi necessário um principio de incêndio no local para obrigar a presença do Corpo de Bombeiros. No dia seguinte, uma expedição certamente da PMM afixou um tapume no local. Realizado com telhas metálicas de excelente padrão, os moradores da proximidade já apostam na data em que a nova  parede será subtraída.

Sei que ainda faltam 40 dias para se encerrar o “namoro” com o prefeito-acadêmico Artur Neto, por isso, tenho que esperar. Todavia, comentam que está havendo muita conversa, muito debate para solucionar problemas que a cidade não aguenta mais esperar.

PS. Hoje, pelos matutinos, conheci as primeiras inaugurações do “reinado” de Artur Neto, as creches na Zona Norte.