CATANDO PAPÉIS & CONTANDO HISTÓRIAS

13 de julho de 2010

Lançamento de livros da Edua


Busto
de Eulálio Chaves 

Na noite de ontem, 12, ocorreu em cerimônia bem concorrida o lançamento das publicações da Edua. O evento foi realizado no Auditório Eulálio Chaves, no Mini-Campus. Estiveram presentes a Reitora da Ufam - doutora Márcia Perales, o Vice-Reitor – doutor Hedinaldo Narciso Lima, e outros membros dirigentes daquela Universidade.

No evento, por ter organizado Cinema e Crítica Literária de L. Ruas, fui escolhido para apresentar a relação dos 32 livros editados. Agradeci vivamente pelo duplo prêmio recebido: a publicação do livro e a escolha para participar da solenidade.
Busto de
Astrolabio Passos
Vários autores e familiares também estiveram prestigiando a festa. Festa comemorativa do primeiro ano da gestão da Reitora Márcia Perales, que, em sua fala, destacou a vasta produção editorial realizada pela Edua, dirigida pela doutora Iraildes Torres.


Algumas das publicações:



100 Anos UFAM, de Rosa Mendonça de Brito;

Amazônia e outros temas: coleção de textos antropológicos, Sidney Antonio da Silva (organizador);

As Malhas do trabalho e da economia solidária no Brasil, de Iraildes Caldas Torres;

As Terras pretas de índio da Amazônia: sua caracterização e uso deste conhecimento na criação de novas áreas, de Hedinaldo Narciso Lima, Beata Emöke Madari, Wenceslau Geraldes Teixeira e Willian Woods;
Cidades Brasileiras, vol II, José Aldemir de Oliveira (organizador);
Composição e Arranjo, de Adelson Santos;
Escravidão Indígena; O Pescador e Papagaio de Papel, todos de Mário Ypiranga Monteiro;
Expressões do mundo do trabalho contemporâneo: um olhar para os trabalhadores do Parque Industrial de Manaus, de Márcia Perales Mendes Silva;
Região e Conciliação, de Odenei Souza Ribeiro;
Reserva de desenvolvimento sustentável do Tupé: redes do Tupé espacialização e informações das comunidades, de Annuziata Donadio Chateaubriand;
Vida familiar e profissional: desafios e perspectivas, de Maria da Gloria Vitório Guimarães;
Além das Revistas Amazônida; HUGV; O Somanlu; Canoa do Tempo.

Ao final, foi servido um coquetel.