CATANDO PAPÉIS & CONTANDO HISTÓRIAS

23 de junho de 2015

GUARDA NACIONAL NO AMAZONAS (1)

Capa de livro sobre a
Guarda Nacional
No Amazonas, a Guarda Nacional foi organizada em 1882, com quatro Comandos Superiores e demais batalhões distribuídos pela capital e alguns municípios. Era presidente da Província, José Lustosa da Cunha Paranaguá.

Abaixo a segunda parte da publicação com os nomeados para a instituição:


Por decretos de 23 de junho e 14 de outubro do ano passado [1881] e de 12 de fevereiro do corrente, do Governo Imperial, foram nomeados os seguintes oficiais:

Comarcas da Capital e do Rio Negro:

Tenente-coronel chefe do estado-maior Francisco Ferreira de Lima Bacury.
 Majores ajudantes de ordens, Antonio José Fernandes Junior e Francisco Joaquim Ferreira de Carvalho.
 Capitão secretário-geral, Severo José de Moraes.
 Capitão quartel-mestre, José Sátiro Barbuda.

 1º Batalhão de artilharia – tenente-coronel comandante, o capitão Joaquim José Paes da Silva Sarmento; major fiscal Antonio José Barreiros.
Batalhão de infantaria – tenente-coronel comandante, o bacharel Manuel Francisco Machado; major fiscal Henrique Ferreira Penna de Azevedo.
Batalhão de infantaria – tenente-coronel comandante, o tenente Emilio José Moreira; major fiscal Francisco Leopoldo de Mattos Ribeiro.
3º Batalhão de infantaria – tenente-coronel comandante, o tenente José de Brito Inglês; major fiscal José Paulino von Hoonholtz.
Batalhão da reserva – tenente-coronel comandante, o tenente Juvencio AIves da Silva; major fiscal Bernardo José de Bessa.

Seção de batalhão de artilharia – major comandante José Antonio Nogueira Campos.
1ª Seção de batalhão de infantaria – major comandante Aureliano Cidronio de Oliveira.
2ª Seção de batalhão de infantaria – major comandante, o alferes José Joaquim Palheta.

Comarcas de Itacoatiara e Rio Madeira:

Major ajudante de ordens, servindo de secretário-geral, Benedito Antonio Alves Pinto.
Capitão quartel-mestre Antonio José de Moura Junior.

Batalhão de artilharia – tenente-coronel comandante, Manuel Fernandes da Silva Brazão; major fiscal Raymundo João Carneiro.
Batalhão de infantaria – tenente-coronel comandante, Aurelio Martins de Menezes.
Batalhão de infantaria – tenente-coronel comandante, Victor da Fonseca Coutinho Junior; major fiscal Venancio Antonio de Castro.

Seção de batalhão da reserva – major comandante, o capitão Teodoro Antonio Rodrigues.

Comarca de Parintins:

Major ajudante de ordens, servindo de secretário-geral, Antonio José de Andrade Azedo.
Capitão quartel-mestre, Manuel José de Andrade.

6º Batalhão de infantaria – tenente-coronel comandante João Wilkens de Matos Meirelles.

7° Batalhão de infantaria – tenente-coronel comandante, o capitão Angelo José Barbosa. 
(SEGUE)