CATANDO PAPÉIS & CONTANDO HISTÓRIAS

17 de maio de 2018

PRAÇA NOSSA SENHORA AUXILIADORA


Este logradouro segue cumprindo sua destinação: local de acolhimentos dos jovens estudantes do colégio de mesmo nome, de espaço para os táxis e de movimentação de veículos ou de transeuntes entre a rua Silva Ramos e a avenida Joaquim Nabuco. Discreta, quase anonima na capital, apenas conhecida de seus frequentadores e poucos moradores. Foi inaugurada em 1975, portanto, já possui mais primaveras. 
O registro desse fato recolhi do extinto Diário da Tarde (24 maio 1975). Como o periódico circulava à tarde, a notícia estava atualizadíssima. 

Manhã de hoje, conforme o noticiado, realizou-se solenemente a inauguração da Praça Nossa Senhora Auxiliadora, à rua Silva Ramos, empreendimento da atual administração prefeitural, à frente do Sr. Vinicius Conrado, acontecimento que contou com as presenças do Governador, em exercício, Dr. Ruy Araújo e esposa, tendo esta cortado a fita dando por inaugurado o logradouro público, que vem de embelezar aquele recanto da cidade. No ato inauguratório, usaram da palavra o Dr. Ruy Araújo e o prefeito Vinicius Conrado, tendo o arcebispo [Dom João de Souza Lima] procedido à benção da praça. 
Ainda se fizeram presentes entre outras pessoas gradas, o coronel
[Temistocles] Trigueiro, da Casa Militar do Estado, o capitão Nascimento [Sebastião Vicente do], representando o Corpo de Bombeiros, o aspirante Nascimento [Edmilson da Silva], que representou a Polícia Militar, o Dr. Aderson Dutra, diretor da CEM, o líder do Governo, deputado Homero de Miranda Leão, e funcionários do Executivo Municipal.